Tendências de Moda: A cor mais quente para 2022

Tendências de Moda

Tendências de Moda: A cor mais quente para 2022

Escrito por Criável

Já faz um bom tempo que, entra moda, sai moda, os tons de rosa seguem firmes como uma das principais tendências em matéria de cor.

Eu aposto que você já deve ter notado… 

Mas será que você entende o porquê por trás desse desejo tão grande por rosa?

Bom, por aqui a gente tem uma interpretação bem interessante – que pode ter tudo a ver com a sua marca, caso empoderamento feminino seja um tema central.

Então, se a sua marca é feita por e para mulheres fortes, livres e criativas, você certamente irá adorar mergulhar nesse conteúdo!

Antes, no entanto, é preciso lembrar que algumas coisas na Moda nascem como tendência… até se tornarem verdadeiros clássicos. 

Com o rosa foi assim. 

Muito antes da Pantone lançar o seu Millennial Pink como a cor do ano, lá em 2017, a estilista italiana Elsa Schiaparelli praticamente “inventou” o rosa entre as décadas de 30 e 40.

Da mesma forma que hoje a Glossier ou a KKW Beauty, da Kim Kardashian, institucionalizaram o famoso “rosinha” nas suas cobiçadas marcas, a assinatura de Schiaparelli era um rosa magenta super brilhante.

Aliás, magenta que nada, rosa choque ou shocking-pink! 

Afinal, o tom era tão vibrante e diferente de tudo o que as pessoas estavam acostumadas na época, que merecia ser chamado de chocante.

Tanto que rapidamente foi adotado por uma geração de mulheres fortes e independentes, que ao invés de medo, tinham uma vontade gigante de ganhar o mundo.

A própria Diana Vreeland, um ícone que a gente vive mencionando nas nossas aulas e conteúdos, era apaixonada pelo rosa Schiaparelli e por todo o universo ao redor das suas criações.

Acontece que nos anos 50, o rosa ganhou uma outra leitura e passou a simbolizar uma feminilidade dócil – que hoje a gente também entende como tóxica – e aquela coisa da “garota boa”.

Virou sinônimo de superficialidade, futilidade, ingenuidade, afetação; virou a cor da boneca Barbie, de grandes estrelas do cinema e da música como Marilyn Monroe, e de personagens estereotipados como a Elle Woods de “Legalmente Loira”.

Ou seja, por muitos anos o rosa representou uma porção de coisas que nada tem a ver com o feminino ou com a experiência de ser uma mulher no mundo.

Então quando o rosa (re)apareceu há algumas temporadas, ele chegou carregado de um novo significado.

Sim, a Moda é, antes de qualquer coisa, sobre gerar novos significados e é justamente esse movimento que faz com que ela se atualize de forma contínua.

As cores estão (e sempre estarão) aí. 

Nenhuma cor é por si só uma tendência. 

Se elas voltam a ser pauta ou desejo, é porque estão acompanhadas de novas estéticas, comportamentos e significados.

Com a ascensão do feminismo e de um número cada vez maior de pessoas públicas (artistas, figuras políticas, empresárias, etc) se assumindo feministas, o rosa foi ressignificado como uma cor de poder, potência e conexão feminina.

Isso não tem nada de modinha. Pelo contrário, é uma macro tendência de comportamento que promete ficar em evidência por muitos e muitos anos.

Ah, e tem mais!

Se a gente continuar puxando o fio do simbolismo por trás do rosa, nós também vamos ver que essa é uma cor que:

  • Nos conecta à nossa imaginação e capacidade de sonhar;
  • Está muito presente na arte e em atividades lúdicas;
  • É a cor do Anahata Chakra, o centro de energia que, no nosso corpo, fica na altura do nosso coração e tem tudo a ver com o afeto, empatia, compaixão.

Quando Schiaparelli se consagrou como uma estilista renomada, o mundo vivia os desdobramentos da Segunda Guerra Mundial, e o clima era de recessão.

No entanto, ela acreditava que seu rosa choque era uma oportunidade de desconexão daquela dureza toda, e que ele podia ser uma fonte de inspiração e sonho em tempos difíceis.

Tudo a ver com o momento que estamos vivendo agora com a pandemia, você concorda?

Uma das combinações mais crocantes da temporada Winter 21/22,
o rosa + amarelo. A gente ama! <3

Por isso, nós acreditamos que ele é uma tremenda aposta para os próximos tempos.

Mas nós temos muito mais para te contar em matéria de tendências de cor. Aliás, não só em cor! Looks, estampas, materiais e peças-chaves também. 

Para conferir a nossa previsão de tendências de Moda e Comportamento completa e – para além de saber – entender o que será desejo de verdade nos próximos semestres, você precisa conhecer o Clube CRIÁVEL #caps – a nossa plataforma de pesquisa & comunidade criativa 100% voltada para [email protected] da Moda brasileira.

Só esse mês nós subimos uma cartela com 62 cores certeiras para você criar as coleções mais lindas e conquistar as pessoas atendendo aos seus desejos e necessidades, ao invés de ficar se matando de trabalhar para seguir modismos, “chuvinhas passageiras” e flutuações de mercado.

Com o Clube CRIÁVEL #caps você estará sempre um passo à frente da concorrência – e mais perto do seu consumidor ideal! Essa é a sua melhor oportunidade para começar a vender para as pessoas que você quer vender.

Clique aqui e saiba mais.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *